Fechar
Play Video

Denis Rosenfield analisa política e voto no Brasil contemporâneo

DEBATEDORES | Denis Rosenfield

Em entrevista ao UM BRASIL, o filósofo Denis Rosenfield avalia que “a sociedade brasileira passa por um momento singular: há uma demanda por participação e, ao mesmo tempo, o não reconhecimento na classe política”.

Rosenfield também comenta que, como as pessoas agem em grande parte por imitação, “os fraudadores que enriquecem e os desonestos que tiram vantagem viram exemplo para a população brasileira”, que acaba tolerando e aceitando como natural a corrupção no dia a dia.

O filósofo cita ainda a ditadura militar e a lei da anistia, ressaltando que “não se pode mais justificar a incompetência de hoje por acontecimentos de 30 anos atrás”. Em linhas gerais, no entanto, ele acredita que a situação do Brasil melhorou, principalmente, em relação ao respeito às instituições. “Os contratos passaram a valer”, afirma.

Mais Vistos