Irice – Instituto de Relações Internacionais e Comércio Exterior

O IRICE – INSTITUTO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS E COMÉRCIO EXTERIOR – tem o propósito de aglutinar diferentes setores da sociedade para discutir os interesses do País e sua estratégia de inserção internacional.

Fundado pelo Embaixador Rubens Barbosa, o IRICE é referência no debate nacional sobre a evolução das relações internacionais, de um lado, e sobre a inserção internacional do Brasil, de outro.

Com uma visão de futuro, o INSTITUTO tem grande know-how em política externa e na agenda de reformas estruturais com vistas a preparar nossas empresas para torná-las mais competitivas e realmente globais.
http://irice.com.br/

O UM BRASIL é parceiro do IRICE na série CONVERSAS COM CEOs. Um ciclo de eventos promovido com o apoio da Faculdade Belas Artes.

Em breve, os vídeos com as entrevistas desse parceiro estarão disponíveis para você.


“OCDE pode ajudar Brasil a se tornar país normal”

Rubens Barbosa

OCDE pode adequar Brasil ao mercado global, por Rubens Barbosa

Embaixador do Brasil em Washington entre 1999 e 2004, Rubens Barbosa é presidente do Conselho Superior de Comércio Exterior da FIESP, membro do Grupo de Análise da Conjuntura Internacional (Gacint – USP), editor responsável da revista Interesse Nacional, além de fundador e diretor presidente do IRICE - Instituto de Relações Internacionais e Comércio Exterior. Nesta entrevista, ele analisa as perspectivas de o Brasil entrar na OCDE, organização internacional de cooperação econômica e desenvolvimento que reúne 35 das principais democracias do mundo.

Barbosa fala também sobre as mudanças de rumo da política externa brasileira, as incertezas do atual cenário político e econômico, e os riscos do governo Trump.

"O Brasil é e sempre será um país atrativo"

Deborah Stern Vieitas

COMÉRCIO EXTERIOR BRASILEIRO PRECISA OCUPAR SEU ESPAÇO, POR DEBORAH STERN VIEITAS

O UM BRASIL conversa com a CEO da AMCHAM Brasil, a Câmara Americana de Comércio, Deborah Stern Vieitas. Primeira mulher a assumir a presidência da AMCHAM, Vieitas passou pela direção de grandes instituições financeiras, em constante diálogo com investidores nacionais e estrangeiros. Diante da atual crise, ela analisa as perspectivas de atração de investimentos, a necessidade de expansão do comércio exterior e os desafios do ambiente de negócios brasileiro.

A executiva avalia que poucos países são tão atrativos ao capital estrangeiro como o Brasil, e vê com grande expectativa o potencial empreendedor dos brasileiros.

Uma produção da Plataforma UM BRASIL em parceria com o IRIC - Instituto de Relações Internacionais e Comércio Exterior.