Casa da Liberdade

A Casa da Liberdade é um espaço itinerante que acompanha o calendário dos festivais de cultura do Brasil. O local reúne grandes nomes para debater os valores de uma sociedade aberta e os desafios do desenvolvimento em seus diferentes espectros. Parceiro da Casa nas edições do Festival Literário de Paraty desde 2015, o UM BRASIL aproveita o encontro para ouvir opiniões de diversos especialistas sobre o momento cultural, político e econômico no Brasil. O conteúdo destes dois anos de atuação está disponível nos links abaixo.


Assista ao vídeo

Clipe Casa da Liberdade 2015

Confira os melhores momentos da edição 2015 do evento, que reuniu o psicanalista Jorge Forbes, o médico e educador Eugenio Mussak, o diplomata Marcos Troyjo, entre outros.


“O Brasil já iniciou a transição para se tornar um país desenvolvido"

Carlos Pereira, Lee Alston e Bernard Mueller

O MOMENTO DE TRANSIÇÃO DO BRASIL

Em meio a tantas disputas políticas, quais são os consensos que unem os brasileiros e por que há tanta inércia quando se fala em mudanças? Esses e outros temas são os assuntos do debate realizado pelo UM BRASIL com Lee Alston, Bernard Mueller e Carlos Pereira, autores do livro "Brazil in Transition". O debate foi gravado na Casa da Liberdade, durante a Festival Literário de Paraty 2016.

“O Brasil em geral muda muito; a sociedade muda muito. Mas as pessoas dentro do sistema político mudam muito pouco. Isso é um grande desafio”

Kenneth Maxwell

O BRASIL QUE NÃO RENOVA OS PERSONAGENS DA POLÍTICA, POR KENNETH MAXWELL

Nesta entrevista ao UM BRASIL, o historiador britânico e brasilianista Kenneth Maxwell analisa o delicado momento que o País enfrenta. Fundador do programa de estudos brasileiros da Universidade Harvard, Maxwell pondera que trata-se de uma nação grande, complicada e com um sistema político complexo. Quanto às reformas necessárias que nunca saem do papel, o historiador aponta a velha política como culpada, explicando que apesar da sociedade brasileira ter evoluído de forma consistente nos últimos anos, o jogo político ainda conta com praticamente os mesmos personagens.

CRISE DE LIDERANÇA NO BRASIL: DIAGNÓSTICO E SOLUÇÕES

Neste debate, nove especialistas discutem a crise de liderança no Brasil, que tem agravado a situação econômica e vem gerando tensões na esfera política. Para os entrevistados, a solução para a saída deste momento crítico depende de uma gradual mudança da cultura do brasileiro e de um governo que seja capaz de reestabelecer a confiança e reconectar a sociedade ao Estado.

Participam do debate:

Roberto Pompeu de Toledo, jornalista e escritor; Jorge Forbes, psicanalista e médico psiquiatra; Fernando Schüler, cientista político e curador do 'Fronteiras do Pensamento'; Jorge Caldeira, cientista social e escritor; Luiz Felipe d'Avila, cientista político; José Álvaro Moisés, cientista político, jornalista e escritor; Eugenio Mussak, médico e educador; Marcos Troyjo, economista, diplomata e cientista social; e Gustavo Franco, economista.

“A conexão [do Estado] com a sociedade só vai existir no dia em que as lideranças souberem mobilizar as pessoas e engajá-las na busca das reais”

Luiz Felipe d'Avila

“O que temos hoje é um capitalismo de quadrilha. Essa confusão entre a bandidagem e o público nunca teve essa escala”

Gustavo Franco e Marcos Troyjo

Brasil, uma potência adormecida

O economista, diplomata e cientista social Marcos Troyjo debate com o economista Gustavo Franco o desperdício das potencialidades brasileiras. Eles acreditam que, devido a situação fiscal, o País corre o risco de acumular – do ponto de vista econômico – mais uma década perdida.