Entrevistas



"Acesso à educação cresceu, mas prestamos pouca atenção à qualidade"

Eduardo Mufarej

Inclusão começa na educação básica, por Eduardo Mufarej

CEO da Somos Educação – maior empresa de educação básica do país – Eduardo Mufarej fala ao UM BRASIL sobre os desafios de se construir um sistema de ensino inclusivo, de qualidade e moderno. Em conversa com Erica Fraga, o empresário aborda as deficiências na formação dos professores e no modelo educativo, as reformas da base curricular e do ensino médio, o papel da tecnologia no aprendizado, novas habilidades necessárias aos alunos e as dificuldades decorrentes da atual crise.

Para Mufarej, não adianta dar bolsas de ensino superior a alunos que deixam as escolas sem formação adequada: investimentos devem priorizar o ensino básico.

“Média brasileira ainda gosta de Estado forte”

Ary Mattos Filho

Brasil de privilégios e desequilíbrios, por Ary Mattos Filho

Primeiro Diretor da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV-SP) e fundador da prestigiosa banca de advogados que leva seu nome, o tributarista Ary Oswaldo Mattos Filho é um dos mais respeitados juristas do País. Em entrevista ao UM BRASIL, ele discute o tamanho do estado brasileiro, os privilégios do serviço público, as deficiências do sistema tributário e o desafio de aprovar reformas em um Congresso controlado por diversos grupos de pressão.

Defensor de uma reformulação tributária, Mattos Filho avalia que impostos no Brasil são exagerados e mal alocados.

Liberais além da economia, por Joel Pinheiro da Fonseca

O UM BRASIL entrevista Joel Pinheiro da Fonseca, filósofo, economista e uma das principais vozes do movimento liberal brasileiro. Em conversa com Humberto Dantas, ele fala sobre o novo pensamento liberal que ganha espaço no debate público, principalmente entre os jovens, e como este se diferencia do antigo consenso neoliberal.

Contrário à defesa intolerante de qualquer ideologia, Fonseca afirma que a democracia exige reconhecimento e diálogo entre grupos que pensam diferente.

“Política não é cruzada do bem contra o mal”

Joel Pinheiro da Fonseca

"Brasil tende a criar salvadores da pátria"

Anthony Pereira

A crise política brasileira vista de fora, por Anthony Pereira

O UM BRASIL entrevista Anthony Pereira, cientista político e diretor do Brazil Institute do Kings College London, no Reino Unido. Um dos principais brasilianistas na Europa, Pereira faz análise abrangente dos principais acontecimentos políticos e sociais que têm transformado o País: Lava-Jato, conflito entre poderes, governabilidade, manifestações, polarização ideológica, absolvição da chapa Dilma-Temer, impeachments e sobrevivência do atual governo.

Conforme avalia, trajetória brasileira é marcada por “ciclos de salvadores da pátria” – tendência que ensaia se repetir no atual contexto.